«O BOM LIVRO É AQUELE QUE SE ABRE COM INTERESSE E SE FECHA COM PROVEITO»

AMOS ALCOTT

Depois de Tu Partires

segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

| | |
Sinopse: «Alice Raikes dirige-se à estação de King’s Cross onde irá apanhar o comboio que a levará até à Escócia para visitar a sua família. Horas mais tarde encontra-se em coma no hospital de Londres, após um acidente que se suspeita ter sido uma tentativa de suicídio. A partir daqui, Alice começa a reconstituir o passado que lhe trará respostas para o sucedido»


Normalmente faço um breve resumo da história com menos spoilers possíveis antes de dar a minha opinião. Neste livro, contudo, prefiro não o fazer...


Nunca tinha lido nada de Maggie O'Farrell, nem sequer conhecia a escritora! O livro, contudo, chegou às minhas mãos com a promessa de que iria gostar. Pois bem, a verdade é que não gostei... Adorei!

É, contudo, um livro um tanto ou quanto pesado que levanta algumas questões! E foi, para mim, um daqueles livros íntimos!...
A história é-nos contada através de várias perspectivas e através de vários tempos, saltitando constantemente entre as vozes das personagens e o passado e o presente até que tudo conduz a um grande final onde tudo se entrelaça.
Na minha opinião este não é um grande livro de suspense, pelo menos para mim não o foi! As respostas podem ser encontradas cedo e no entanto não é isso que importa!

A escrita de Maggie O'Farrell é riquíssima em pormenores! É uma escrita poderosa e magnética! É uma escrita de sensações e emoções que nos sequestra nas suas palavras!
E tudo isto origina um livro também ele forte e poderoso sobre amor e relações, sobre dor e sobre perda! Um livro em que a partir de certo ponto o final já não importa. Não é viciante por querermos saber o desfecho, mas sim por toda a capacidade de O'Farrell em nos agarrar a Alice e a toda a história!

Deveria ser fácil falar sobre um livro que nos tocou, que nos foi intimo e que nos disse qualquer coisa não só pela sua leitura, mas também pelo leitor em si. Contudo, para mim pelo menos, não o é! E como tal, falta-me a mestria e as palavras que encontrei em O'Farrell para exprimir aquilo que este livro me disse e por isso, fica apenas a sugestão: Leiam!

Contudo, não é, apesar disso, um livro que recomende facilmente e a qualquer um! Acho que Maggie O'Farrell escreve maravilhosamente e conto ler as suas restantes obras, mas a verdade é que não é um livro fácil! Não só pela sua densidade e complexidade no enredo mas também pela concentração que ele exige, nas suas constantes analepses e trocas de personagens! No entanto, para mim, tudo isso enriqueceu bastante a obra, pois foi realmente importante e interligado inteligentemente até originar Depois de Tu Partires!
Adorei o livro! Adorei as personagens! Adorei a escrita!

Tocante, Perturbador, Viciante e Absorvente!
Puxou por mim e mexeu comigo!, mas já posso dizer que comecei bem o ano!

3 Páginas:

Sofia* disse...

Já me convenceste a ler (ou pelo menos a começar! =P) só pela forma como falas da escrita da autora *.* E pareceu-me (a não ser que esteja muito enganada) que é um livro que nos faz pensar, e já não leio um desses há algum tempo... Vai para a minha "lista de espera"!

cris disse...

Já estou convencida...mais um para a lista! Boas leituras.

Estrela_da_Noite disse...

Cris, Sofia*,

Fico feliz por vos ter convencido! Foi realmente um livro de que gostei bastante e espero que não vos desiluda :)

Em relação ao pensar... este foi realmente um livro íntimo que mexeu comigo e me fez levantar algumas questões devido ao meu percurso como pessoa até aqui. E, por isso, a minha opinião é extremamente pessoal e subjectiva. Contudo, se tentar olhar de maneira mais objectiva: acho que é um livro sem duvida emocional (sobre amor, relações, dor e perda) que se poderá tornar profundo e dizer algo mais, ou não... dependendo do leitor...

Boas leituras*

Enviar um comentário