«O BOM LIVRO É AQUELE QUE SE ABRE COM INTERESSE E SE FECHA COM PROVEITO»

AMOS ALCOTT

A Rainha no Palácio das Correntes de Ar

quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

| | |
Antes de mais e um pequeno à parte: As minhas sinceras desculpas por este mau começo de ano com uma ausência de duas semanas, mas a verdade é que este regresso à escola não foi fácil e andei um bocadinho zombie até acertar os sonos =/ E estive este tempo todo para conseguir acabar o ultimo livro do Larsson, o que é um crime! Mas espero daqui para a frente ter uma ritmo mais regular!

Sinopse: «Lisbeth Salander sobreviveu aos ferimentos de que foi vítima, mas não tem razões para sorrir: o seu estado de saúde inspira cuidados e terá de permanecer várias semanas no hospital, completamente impossibilitada de se movimentar e agir. As acusações que recaem sobre ela levaram a polícia a mantê-la incontactável. Lisbeth sente-se sitiada e, como se isto não bastasse, vê-se ainda confrontada com outro problema: o pai, que a odeia e que ela feriu à machadada, encontra-se no mesmo hospital com ferimentos menos graves e intenções mais maquiavélicas… Entretanto, mantêm-se as movimentações secretas de alguns elementos da Säpo, a polícia de segurança sueca. Para se manter incógnita, esta gente que actua na sombra está determinada a eliminar todos os que se atravessam no seu caminho. Mas nem tudo podia ser mau: Lisbeth pode contar com Mikael Blomkvist que, para a ilibar, prepara um artigo sobre a conspiração que visa silenciá-la para sempre. E Mikael Blomkvist também não está sozinho nesta cruzada: Dragan Armanskij, o inspector Bublanski, Anika Gianini, entre outros, unem esforços para que se faça justiça. E Erika Berger? Será que Mikael pode contar com a sua ajuda, agora que também ela está a ser ameaçada? E quem é Rosa Figuerola, a bela mulher que seduz Mikael Blomkvist?»


Bom, o que dizer sobre este ultimo volume da Trilogia Millennium?!
Continuamos a ser brindados com a mestria de Larsson em agarrar o leitor às páginas e tornar os seus livros verdadeiros page-turners!

A verdade é que este último volume foi confortável! Isto é, se no primeiro tive a novidade, o encanto e no segundo tive a obsessão e a rendição, neste ultimo e terceiro volume, se é certo que, sem duvida, Adorei! o que senti mais foi uma sensação de conforto em relação à escrita. Foi mais calmo, já conheço melhor o autor "e o autor a mim" e cria-se ali uma zona em que nos encaixamos no livro.

Neste volume temos Lisbeth Salander presa, na maior parte do tempo no hospital, e todo o trama gira à volta daqueles com que Lisbeth pode contar para a ajudarem e à volta de agentes da Sapo que fazem de tudo para encobrir a sua trapalhada e existência! Desta vez para além dos habituais protagonistas temos mais aprofundada Erika Berger! - quem gostei muito de conhecer melhor!
Sem entrar em grandes spoilers, posso dizer que gostei imenso do livro e que este não me desiludiu. É o livro onde acabamos com as pontas soltas e que todas as respostas aos mistérios colocados neste e no volume anterior são aqui respondidas! Temos por fim, toda a história de Lisbeth e todos os porquês! E se há pouco classifiquei o livro como calmo, não foi no sentido definitivo mas sim comparativo. Pois a verdade é que temos na mesma momentos de tensão, roer de unhas e de cair o queixo... mas é mais calmo sim, se comparando com o anterior!
No entanto, a verdade é que o livro custou a acabar por não ter conseguido ler nestes últimos dias, o que me quebrou um bocadinho o ritmo!...
Todavia, fiquei rendida a Larsson e incrivelmente surpreendida!
Rendida a Larsson e às suas personagens, em especial Lisbeth! Muito cresceu e mudou ou simplesmente a ficámos a conhecer melhor, mas a verdade é que é das minhas personagens favoritas!

Adorei!!!, sinceramente! Conquistou-me e queria mais! Mais Lisbeth, mais Mikael, mais Erika, mais todos! E a verdade é que não sendo para ser uma trilogia acabou por ter um bom final e bastante satisfatório, eu acho!

É uma trilogia mais que recomendada! Simplesmente Brutal - em todos os sentidos da palavra!

E aqui fica uma aberta para tentar novos policiais, eu que não gostava do género!

2 Páginas:

Zaahirah disse...

Concordo com tudo! O meu preferido foi o 2º, com mais acção. Completamente viciante. O último foi mais de descoberta da verdadeira Lisbeth. E a parte do julgamente então.... UAU!

Também queria mais Larsson! :)

Estrela_da_Noite disse...

Exactamente! :) O segundo li-o em dois dias e foi mesmo de loucos =D

Sim, neste ultimo, a parte do julgamento acho que foi talvez a melhor! Foi um óptimo livro e uma saga estrondosa!

Tive mesmo muita pena de chegar ao fim, mas o que me consola é que pelo menos teve um bom final! :)
Espero ter mais surpresa destas!

Boas leituras,
Estrela*

Enviar um comentário